"Um corpo sem alma é como um disco de vinil que não toca ..."

"O jornalista fere no peito o escritor. O escritor repele o jornalista, por esmagá-lo, por obrigá-lo a renascer quase sempre de um mesmo patamar. Feliz daquele que, nesse embate, consegue servir, e bem, aos seus dois senhores..."

Política. Música. Música. Vida. Rock. Cinema. Cultura.

segunda-feira, 9 de julho de 2007

Há 50 anos, dupla se encontrava pela primeira vez


Na sexta-feira passada, dia 6 de julho, o primeiro encontro da maior dupla de músicos e compositores do universo completou 50 anos. Estou falando de Sir. Paul Mccartney e John Lennon. Depois deles a música não seria mais a mesma. Íncrivel como até hoje continuamos a ouvir e a descobrir a música deles.

O encontro há 50 anos ocorreu numa festa em Liverpool, dizem, tipo uma quermesse, onde Lennon tocava com sua banda. Depois da apresentação Paul o conheceu. Na ocasião John estava meio bêbado e foi ali que tudo começou...
Pronto Tets, homenagem feita.

Paul is live!
O novíssimo do Paul, "Memory Almost Full" já caiu na rede, claro. Está lá no Soul Seek (o qual vc pode baixar seguramente aqui). Alguém já ouviu?
Parece-me já são mais de 20 álbuns de sua carreira pós-Beatles. O anterior, "Chaos And Creation In The Backyard" data de 2005.

Será que o amigo Brasileiro está curioso para ouvi-lo?
- - -


Ps. Continuo devagar e sempre colocando os blogues legais por cá.
Ps2 - a missão. Em breve por cá vai rolar uma seção destinada a zines, fanzines, revistas e coisas do tipo. Publicações feitas "na raça". Portanto, se vc conhece ou edita algo que aí se encaixe, manda pra cá!

[The Dorrs - álbum Strage Days]

8 comentários:

Cristina disse...

pois é, mudei de endereço sim! e parabéns à dupla!! \o/ bjos

_Maga disse...

Olá meu amigo beatlemaniaco preferido :)

Eu conheço um zine, sim:
http://www.embrulhodebanana.org/

beijos

SAMANTHA ABREU disse...

é emocionante pensar nessa história... fantasiar como foi o momento.
Parece coisa que não existiu.
Adoro isso... fica uma coisa "perdida" no espaço e a gente tem que contar quase 80% com nossa imaginação.

Beijo.

João Boiadeiro disse...

Concordo com a sra. Samantha. Só me contaram uns poucos detalhes sobre aquele dia. Dizem, por ex., que o Paul ficou impressionado com o fato de John improvisar bem letras de rock que não conhecia. E dizem que, depois do show na quermesse, atrás do palco, o John ficou impressionado que o Paul soubesse afinar o violão e soubesse toda a letra de uma música do Elvis, chamada "Twenty Flight Rock". Quando foi que encontrei o Barbudinho pela primeira vez? Um abração do véio.

Mateus do Amaral disse...

Queridos João e Barbudinho, essa é uma foto que a Linda, esposa do Paul, tirou no fim dos anos 1960. Há uma outra famosa em que os quatros beatles estão sentados, na mesma escadaria, muito indiferentes uns aos outros; a foto se chama "The four strangers". A Linda McCartney fotografou muitas celebridades do pop daquela época, como por ex. The Who e The Rolling Stones. Um grande abraço.

GABRIEL RUIZ disse...

Thaks João! Sempre mui bem informado acerca do tema.
Agora, a pergunta, acho que o neurônio do primeiro encontro já foi incinerado.
valeu, abraço

Daniel Nérso disse...

O começo dos Beatles foi um divisor de águas no mundo da música.
Outra divisão foi causada pelo Bob Dylan, não só pela sua música, mas por ter apresentado os Beatles às drogas :)

Anônimo disse...

aiello bulk groupware trillions fuivku proverbial glenn djrk several almeida totals
semelokertes marchimundui