"Um corpo sem alma é como um disco de vinil que não toca ..."

"O jornalista fere no peito o escritor. O escritor repele o jornalista, por esmagá-lo, por obrigá-lo a renascer quase sempre de um mesmo patamar. Feliz daquele que, nesse embate, consegue servir, e bem, aos seus dois senhores..."

Política. Música. Música. Vida. Rock. Cinema. Cultura.

domingo, 13 de agosto de 2006

Pega no Pepino!


Viu um pepino tão grande que o quis
para almoçá-lo e também jantá-lo!

Almoçou, jantou e jantou de novo.
Acordou no outro dia cedo
Para ir em busca, era domingo
Fazia-se a feira, transforamva-se a rua
Uns devoravam pastéis, outros, compras de verduras matinais

A velha foi à banca de pepinos.
Nunca mais viveu sem.

Almoçou-o e tomou até café da manhã
e outras tantas refeições
Sua vida nunca mais foi a mesma
Nem o seu prazer.


Nota do editor: Uma amiga que costumava ler os textos, dizia que eu escrevia como um heterônimo, "sem modos" - segundo ela. Na verdade esse Heterônimo existe, mas tem outro nome.

7 comentários:

Fernanda disse...

Oi Gabriel! Estou aqui para agradecer seu comentário lá no blog. Tbém gostaria de me sentir daquele jeito todos os dias, mas quem sabe eu ainda encontre alguém que faça isso comigo. Beijos e volte sempre.

disse...

Adorei! Adoro textos simples e não óbvios!

E aí Biel, bão? Chegou de pé em casa ou ficou pela sarjeta mesmo? rs...

Então, mas é, ultimamente tenho pensado muito na vida... na minha, na vida em geral, na... existência, na - ás vezes - nossa persistência.

Também acho bom ter alguém pra trocar esse tipo de idéia. Ás vezes acho que viajo muito, tal, quando vou fundo nessas de filosofar sobre os porquês. Se curte uma viagem imaginária, pirando no que seria ideal e reclamando pela imensa sensação de impossibilidade de ser como se deseja... bem vindo à turma! Podemos marcar um bar! rs

beijo

Gabriel Ruiz disse...

Resposta a Ju:

Bar? quando, agora? Tá um calor do caramba!
Vamos pirar sim, tenho várias dessas piras que vc falou aí...
valeu, beijos.

§uzana disse...

Sim, Gabriel, eu sempre leio o Blônicas... agora a gente pode dizer que se conhece de lá!rs
bjx

maiara disse...

o verdadeiro valor de um pepino...de fato! humor picante. Beijos

luma disse...

E dizem que pepino faz bem pra pele, unhas e cabelo!! (rs*) Beijus

Anônimo disse...

estou adorando tudo por aqui....

beijos e beijos

sabrina.